Projeto Mais Cidadania

Com o projeto ‘Mais Cidadania’ Átila Alexandre Nunes percorreu diversas cidades levando serviços básicos como acesso à documentação e informações sobre os direitos da mulher. Projetos como este oferecem muito mais do que serviços à população; levam cidadania e dignidade. Com esta ação ele identificou casos que muitos podem considerar inimagináveis nos tempos atuais como, por exemplo, pessoas que não possuem certidão de nascimento. Ou seja, são adultos e crianças que não existem legalmente e, conseguintemente, não têm acesso aos serviços públicos básicos como hospitais, e ao mercado formal de emprego. Com o ‘Mais Cidadania’ estas pessoas foram cadastradas, através da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, para fosse viabilizada a documentação de cada uma delas.

O Dia do Jovem Umbandista
Combatendo sempre a Intolerância Religiosa, Átila Alexandre Nunes criou a Lei 5575/13, que reconhece e estimula a participação dos jovens
Criação do Disque Idoso
Enquanto ocupou o cargo de Secretário de Estado de Direitos Humanos, Átila Alexandre Nunes ouviu inúmeros casos de maus tratos,
O Código de Defesa do Consumidor Deve Ser Ensinado nas Escolas
Em 2013, quando era vereador do Município do Rio, Átila Alexandre Nunes percebeu que os consumidores muitas vezes eram prejudicados